email_marketing
A lista de e-mails e cadastros é, sem dúvida, um dos principais ativos de marketing de uma empresa. No entanto, para inserir o e-mail marketing na estratégia de marketing de conteúdo de forma eficiente, não basta apenas reunir uma lista e mandar as mensagens de correio eletrônico. É preciso entender qual o papel dessa ferramenta na estratégia de conteúdo e como ela pode atuar na nutrição de leads, engajamento do blog da empresa e fidelização dos clientes.
O elemento-chave de planejamento de Inbound Marketing é o conteúdo gerado, e é para promovê-lo que o e-mail marketing pode ser usado. O objetivo é atrair o público para o site, estimular a conversão de leads, mostrar as novidades da empresa e construir um relacionamento entre as partes.
Para te ajudar na hora de desenhar suas ações de Inbound Marketing, no post de hoje vamos compartilhar 6 dicas para usar o e-mail marketing. Confira!

1. Construa sua lista

Uma boa lista de e-mails é um dos principais ativos de marketing de uma empresa. Mas antes de começar a dispará-los, peça permissão dos usuários. A melhor forma de fazer isso é por meio de materiais para download ou ainda formulários de cadastro no site. Vale lembrar que não é indicada a compra de listas de e-mails, pois a taxa de conversão fica muito baixa e os usuários podem se sentir desrespeitados. Ou seja, a ação pode ter um resultado contrário.

2. Seja próximo e pessoal

O e-mail é tão pessoal quanto o número de telefone celular das pessoas, e por essa razão não é fornecido a qualquer desconhecido. Para ter uma eficiência maior nas campanhas, abuse da proximidade com os usuários. Chame cada pessoa pelo nome e procure evitar ao máximo e-mails que mostrem que revelem que a mensagem foi enviada automaticamente por uma plataforma.

3. Pense com cuidado no assunto

Assim como qualquer ação de inbound, o conteúdo enviado precisa ser feito de acordo com as características daquela persona. Ou seja, aposte em um assunto útil, que realmente possa ser consumido e que, de preferência, traga a solução para um problema.

4. Elabore um assunto irresistível

Para complementar o conteúdo enviado e gerar interesse do usuário que receber o e-mail, o assunto da mensagem é de fundamental importância. Pense que cada um que receber suas campanhas também receberá diversas mensagens de outras empresas no mesmo dia. Ou seja, você precisa chamar a atenção.

5. Estimule as visitas ao site

De nada adianta enviar uma campanha de e-mail para nutrição de leads se você não estimular a visita ao seu site. O objetivo é que o usuário converta no seu site, por isso no e-mail vale a pena enviar uma prévia do conteúdo, estimulando o usuário a visitar seu site para conferi-lo na íntegra.

6. Não exagere na periodicidade

Por fim, é bom não exagerar na periodicidade, afinal de contas ninguém gosta de receber uma enxurrada de e-mails. Da mesma forma que você descobriu quem era a persona do seu público para definir o tema dos conteúdos, utilize essa lista para saber qual a periodicidade que faz mais sentido para eles.
Essas são algumas dicas rápidas e práticas que certamente e auxiliarão no desenho da sua estratégia de e-mail marketing para o inbound.
Para receber todos os nossos conteúdos em primeira mão, curta nossa página no Facebook e nos siga nas redes sociais!