Insights Boxx

Novidades sobre o mercado, tendências e consumidores

set
17

Arquétipos: A psicologia como aliada na construção de marcas

Postado em por Luciano Montelatto in Blog

arquetipo

O conceito de arquétipo surgiu com Carl Jung, em 1919. De acordo com Jung, os arquétipos são imagens primordiais que se originam a partir da repetição progressiva da mesma experiência ao longo de várias gerações.

Eles servem para externar aquilo que há em nosso inconsciente. Eles podem ser encontrados em filmes, lendas, livros e até mesmo na branding. Ao consumir algum produto ou serviço, sofremos influência de arquétipos, pois eles nos dão a sensação de pertencer a algum grupo e até mesmo de realização pessoal.

Para entender melhor, veja quais são os 12 principais arquétipos de Jung e quais deles regem alguma marca que, talvez, você até consuma!

 

HERÓI

Esse arquétipo está relacionado ao desafio, com a superação de seus limites e com mudar o mundo para melhor.
Esse arquétipo é muito utilizado com marcas de produtos esportivos como a Nike e em causas sociais.

 

FORA DA LEI

Esse arquétipo tem muito a ver com os revolucionários. O desejo pelo fruto proibido e qualidades um tanto desdenhadas pela sociedade estão presentes no Fora da Lei.
A Harley Davison marca mundialmente famosa de motocicletas, é toda baseada nesse arquétipo do Fora da Lei.

 

MAGO

Esse arquétipo está relacionado com aqueles que buscam os princípios essenciais que fazem com que as coisas aconteçam. Empresários e atletas, por exemplo, se encaixam bem nesse arquétipo.
A MasterCard investe frequentemente neste arquétipo em suas campanhas.

 

BOBO DA CORTE

Pessoas com esse arquétipo ativo buscam apenas se divertir, possuem espontaneidade e um espírito brincalhão admirado pelos demais.
Na publicidade, esse arquétipo é ideal para as marcas de cerveja. A Skol, inclusive, faz muito o uso deste arquétipo. A marca inclusive tentou vários outros arquétipos, mas nenhum deles surtiu tanto efeito como o Bobo da Corte.

 

CARA COMUM

Esse arquétipo está relacionado à ausência de artificialismo, à simplicidade e à igualdade entre as pessoas. É um arquétipo muito valorizado, estimado e apreciado por outros. Marcas como a Brahma fazem bastante o uso deste arquétipo.

 

AMANTE

O amante está relacionado a conexões profundas, íntimas e genuínas. Na publicidade, é utilizado em marcas que oferecem produtos raros, exclusivos ou personalizados – porque é do que o Amante gosta. A Playboy e a Coco Chanel fazem muito uso desde arquétipo.

 

CRIADOR

Esse arquétipo possui um forte desejo de criar e inovar, usando a criatividade como uma válvula de escape. A Disney é uma marca que investe muito neste arquétipo ao criar filmes totalmente fora da realidade.

 

PRESTATIVO

É um arquétipo relacionado ao altruísmo, generosidade e compaixão. Existe uma preocupação muito forte com o próximo, principalmente os menos afortunados.
Esse arquétipo é bastante notado em praticamente toda atividade de prestação de serviço e de produtos de cuidados pessoais. A Dove, por exemplo, é regida por esse arquétipo.

 

GOVERNANTE

Esse arquétipo se trata daquele que comanda, que está sempre no comando e que é ambicioso. Tem a ver com indivíduos que lidam com grandes responsabilidades.
No universo do branding, marcas que trabalham com produtos de luxo voltados ao público “Classe A” baseiam-se nesse arquétipo, como a Cadillac, por exemplo.

 

INOCENTE

Pessoas com esse arquétipo ativo são positivas, esperançosas, nostálgicas, gostam da certeza e evitam muitas mudanças.
Marcas que se baseiam nesse arquétipo normalmente buscam a lealdade, o cumprimento de promessas e a garantia de seus produtos e serviços, pois sabem que o inocente valoriza e precisa disso. A marca Johnson & Johnson é uma grande utilizadora desde arquétipo.

 

EXPLORADOR

Uma pessoa com esse arquétipo ativo explorará o mundo em busca de encontrar a si mesmo, buscando se diferenciar dos demais como forma de resistência a conformidade.
Marcas que se baseiam nesse arquétipo procuram sempre formas de estimular seu público com aventura e agitação como uma forma de libertá-los. A Levi’s, marca de roupas, é adepta deste arquétipo.

 

SÁBIO

Esse arquétipo possui uma grande e interminável sede por aprender, valoriza a lógica e a racionalidade.
As marcas que trabalham sob esse arquétipo buscam fornecer informações claras a seu público, mostrando que são exímios conhecedores de determinado assunto. o Discovery Channel é uma grande adepto deste arquétipo.

 

Curta & Compartilhe:
Tags: agencia branding / arquétipos / boxx / branding / harley davison / jung / marcas / Nike / personalidade de marca / psicologia
logo_boxx

INSIGHTS BOXX

 

Assine nossa newsletter Insights Boxx e receba novidades por e-mail.

Obrigado por assinar nossa newsletter! Para começar receber nossas atualizações enviamos um email de confirmação, verifique em sua caixa de spam.